jusbrasil.com.br
29 de Junho de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal de Justiça de Santa Catarina TJ-SC - Apelação Cível: AC 20100656626 Trombudo Central 2010.065662-6

Detalhes da Jurisprudência

Processo

AC 20100656626 Trombudo Central 2010.065662-6

Órgão Julgador

Quarta Câmara de Direito Comercial

Julgamento

14 de Dezembro de 2010

Relator

José Inácio Schaefer

Documentos anexos

Inteiro TeorTJ-SC_AC_20100656626_ae6ac.rtf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

INDENIZATÓRIA.

Empréstimo consignado em benefício previdenciário contratado por terceiro de posse de documentos falsificados. Dívida inexigível. Responsabilidade objetiva da instituição financeira. Desconto indevido. Dano moral presumido. Verba alimentícia. Manutenção da sentença. Recurso desprovido. O banco que não verifica a veracidade das informações prestadas quando da contratação de empréstimo responde objetivamente pelos danos decorrentes desta conduta. O dano moral provocado por retenção de verba alimentar é presumido e a indenização é fixada com atenção ao princípio da razoabilidade e proporcional ao ato lesivo.
Disponível em: https://tj-sc.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/1105774872/apelacao-civel-ac-20100656626-trombudo-central-2010065662-6

Informações relacionadas

Superior Tribunal de Justiça STJ - RECURSO ESPECIAL: REsp 1963765 CE 2021/0316279-7

Tribunal de Justiça do Paraná
Jurisprudênciahá 4 meses

Tribunal de Justiça do Paraná TJ-PR - Apelação: APL 000XXXX-40.2019.8.16.0035 São José dos Pinhais 000XXXX-40.2019.8.16.0035 (Acórdão)