jusbrasil.com.br
4 de Julho de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal de Justiça de Santa Catarina TJ-SC - Recurso Criminal: RCCR 20110649143 Içara 2011.064914-3

Detalhes da Jurisprudência

Processo

RCCR 20110649143 Içara 2011.064914-3

Órgão Julgador

Primeira Câmara Criminal

Julgamento

27 de Março de 2012

Relator

Marli Mosimann Vargas

Documentos anexos

Inteiro TeorTJ-SC_RCCR_20110649143_96ec0.rtf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

RECURSO EM SENTIDO ESTRITO. TRIBUNAL DO JÚRI. PRONÚNCIA. HOMICÍDIO SIMPLES (ART. 121, CAPUT, DO CÓDIGO PENAL). RECURSO DA DEFESA. IMPRONÚNCIA. HIPÓTESE DO ART. 414, CAPUT, DO CPP NÃO DEMONSTRADA. MATERIALIDADE INCONTESTE. INDÍCIOS SUFICIENTES DE AUTORIA. TESTEMUNHA QUE, EMBORA NÃO TENHA PRESENCIADO O MOMENTO DO DISPARO, RECONHECEU O RECORRENTE COMO AQUELE QUE ESTAVA EM LUTA CORPORAL COM A VÍTIMA INSTANTES ANTES DESTA SER MORTA. LAUDO PERICIAL CONSTATANDO QUE O PAR DE CHINELOS ENCONTRADOS NA CENA DO CRIME SÃO OS MESMOS LOCALIZADOS COM O RECORRENTE EM DILIGÊNCIA REALIZADA NO PRESÍDIO. ELEMENTOS QUE AMPARAM A DECISÃO DE PRONÚNCIA. EVENTUAIS DÚVIDAS A SEREM DIRIMIDAS PELO CONSELHO DE SENTENÇA. APLICAÇÃO DOS PRINCÍPIOS DA SOBERANIA DO TRIBUNAL DO JÚRI E IN DUBIO PRO SOCIETATE. DECISÃO PROVISIONAL MANTIDA. RECURSOS CONHECIDOS E DESPROVIDOS.
Disponível em: https://tj-sc.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/1100952465/recurso-criminal-rccr-20110649143-icara-2011064914-3

Informações relacionadas

Tribunal de Justiça de Santa Catarina
Jurisprudênciahá 11 anos

Tribunal de Justiça de Santa Catarina TJ-SC - Recurso Criminal: RCCR 20110749993 Joinville 2011.074999-3

Tribunal de Justiça de Santa Catarina
Jurisprudênciahá 12 anos

Tribunal de Justiça de Santa Catarina TJ-SC - Recurso Criminal: RCCR 20100721992 Blumenau 2010.072199-2